Por falta de doses, a prefeitura do Rio de Janeiro suspendeu a partir de hoje (17) a vacinação infantil contra a covid-19. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a expectativa é que novas doses sejam entregues ao município na próxima semana, para que a aplicação seja retomada na terça-feira (22).

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) anunciou que está prevista para amanhã (18) a chegada de 91.100 doses da vacina pediátrica da Pfizer ao estado, com início de distribuição imediata às cidades. A última remessa, com 133.400 doses da Pfizer pediátrica, chegou na sexta-feira passada (11) e as prefeituras fizeram a retirada.

O Ministério da Saúde informou que iniciará nos próximos dias a distribuição para todo o país de 4,6 milhões de doses de vacinas covid-19 para crianças, sendo 3,2 milhões para a primeira dose e 1,4 milhão para a segunda dose.

Deficiência

No Rio de Janeiro, continua a aplicação da primeira dose em pessoas a partir de 12 anos e para crianças entre 5 e 11 anos com deficiência ou comorbidades. A vacina está disponível também para a segunda dose conforme data de retorno marcada no cartão de imunização e a dose de reforço para pessoas com 18 anos ou mais que tomaram a segunda dose há quatro meses ou mais.

Segundo o painel de vacinação da prefeitura do Rio, toda a população entre 12 e 70 anos tomou ao menos a primeira dose contra a covid-19. Entre as crianças de 5 a 11 anos, que foram as últimas pelo Plano Nacional de Imunização, a cidade aplicou a primeira dose em 331 mil, faltando ainda 229 mil iniciarem a vacinação.



Agência EBC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.